Testemunha das forças especiais russas confirma terrorismo de Estado de Putin

Infelizmente, não me enganei há quase um ano:

« No sequestro de Beslen crianças foram mortas pelas forças especiais russas

Uma testemunha do julgamento de Nourpachi Koulaiev, único terrorista capturado vivo após o sequestro de Beslan, em Setembro, indicou terça-feira que muitos dos reféns foram mortos pelas forças especiais russas.
“Os terroristas colocaram as crianças junto às janelas para que os militares não disparassem. Os tiros do exterior não pararam. Vi dois rapazes caírem após dois tiros provenientes da rua”, afirmou Zita Sidakova, uma das duas testemunhas a depor terça-feira.

“Colocaram uma mulher que procurava o seu filho junto à janela e os nossos também a mataram. Direi que a maior parte das crianças mortas no ginásio foram mortas pelos nossos”, sublinhou Sidakova.

O sequestro ocorrido na escola nº 1 de Beslan, na Ossétia do Norte, saldou-se a 3 de Setembro de 2004 numa carnificina com 330 pessoas mortas, entre as quais 186 crianças.

Entre os terroristas morreram 31 dos 32 elementos que participaram no sequestro.

Segundo a versão oficial, os sequestradores accionaram de forma intempestiva os explosivos, forçando as tropas especiais a lançar uma ofensiva contra a escola, de onde os terroristas dispararam sobre as crianças que tentavam fugir.

Um grande número de vítimas terá morrido no incêndio que deflagrou na escola.

Várias testemunhas garantiram no julgamento que a maioria das 330 pessoas foram mortas quando o tecto do ginásio caiu após um disparo de lança-chamas das tropas especiais. »

Fonte: Agência LUSA

%d bloggers like this: